Flora

Flickr Stream

Logotipo: o que é e por que ele realmente importa?

Logotipo é a forma com que o nome de uma marca empresa é apresentado graficamente, seja utilizando apenas texto, texto com símbolo ou apenas símbolo. A Coca-Cola, por exemplo, utiliza apenas tipografia, uma fonte que todos que batem o olho já sabem do que se trata. A Adidas, por outro lado, utiliza os dois: a grafia e os três pequenos riscos junto do nome. Já a Apple utiliza apenas o símbolo.

O processo de criação de um logotipo não é algo tão simples. Pelo contrário, ele exige muita responsabilidade, independentemente de qual for o segmento em que o cliente atue. Este simples ‘’simbolozinho’’ deverá conter todos os valores da marca, ser coerente com que a empresa oferece, além de impactar e causar algo especial nas mentes, alguma coisa que faça com a pessoa sempre se lembre daquilo que viu.

Para isso, quem cria logotipos utiliza diversas técnicas, como psicologia das cores, tipografia, uma grande bagagem cultural e um modo de pensar diferente de tudo que todo mundo já criou. Afinal, qual a graça de criar algo que já existe?

Por mais que, constantemente, vemos empresas mudando seus logotipos, dando uma repaginada em sua identidade visual, é importante sabermos que isso não deve acontecer sempre. Não se troca de logo toda hora e um reposicionamento só é válido se realizado de maneira estratégica, pois demanda investimento e assertividade, uma vez que um logotipo marca aquela empresa e a sociedade por bastante tempo e costuma permanecer fixa na cabeça das pessoas.

Para em criar um logo, é necessário pensar fora da caixa. É algo que demanda responsabilidade, técnica, profissionalismo. Lembre-se: se a primeira impressão é a que fica, por que não fazer dela a melhor possível?